Gallerist | Glam4You – Natti Vozza Banner

Blog de Moda Glam4you por Nati Vozza

Traduzir para Inglês

DIARIO DE UMA GRÁVIDA: 27 SEMANAS

Oct 01 2014
Postado por em Glam4You

Pensei muito sobre o que iria escrever no Diário de hoje, até recebi alguma ajuda lá na nossa fanpage (curte aí, hehe) e acho que podemos começar falando sobre algumas coisas reais que acontecem na gravidez e não são contados em comerciais da tv hahaha.

nati vozza gravidaDIARIO DE UMA GRÁVIDA: 27 SEMANAS

Primeiramente, eu estou amando demais essa vida de grávida, sério que delícia! Depois que passei da décima segunda semana meu mundo se abriu. Aflorou. Tudo começou a ficar mais colorido, eu tirei o pijama, comecei a gostar de me arrumar, de sair de casa, os enjôos passaram e comecei a prestar atenção em como as pessoas estavam me paparicando. Quem me conhece sabe que eu AMO ser paparicada. Simplesmente amo e não tenho vergonha alguma em dizer isso, portanto não tinha como não estar gostando dessa gravidez tão esperada, cheia de amor, carinho e paparicos. Mas sei que não é todo mundo que gosta desse período e isso não faz da pessoa um ser de outro mundo, pois cada gravidez é única. Apesar de estar amando, como disse acima, existem sim alguns “probleminhas” de percurso que os comerciais de Tv não falam. Existe prisão de ventre – Ui, estou perdendo total a noção do que falar por aqui, hein rs. Mas somos humanas e pelo que eu sei todos podem sofrer desse problema -, eu mesma tive no início, e nunca havia tido antes. Resolvi comendo muito mamão, ameixa seca, e muita água, só isso resolveu. Passou depois da 12ª semana, como mágica, mas foi tenso. Ninguém comenta como encalhamos no sofá e perdemos completamente o charme pedindo ajuda para levantar ahahaha. Sobre a dificuldade de dormir. Ninguém fala sobre a dificuldade que é lidar com a sede que sentimos e consequentemente as idas de 5 em 5 minutos ao banheiro. Sobre a fome incontrolável e como tudo parece ficar mais saboroso. Sono. Celulite – sim, se você tem genética para a maldita, se prepare! -. Sobre a “delícia” que é todo mundo se metendo na sua vida e praticamente achando que você faria algum mal para seu filho, sempre com a pergunta: “Mas isso pode?” – Aprendam, grávida é preocupada, se ela está fazendo algo, comendo algo, indo a algum lugar, ela perguntou para seu médico antes. Ninguém quer mais a saúde do bebê do que a mãe. portanto parem! -. A delícia que é calçar sapato depois da vigésima semana. A vergonha que é pedir certos favores para o marido e perder todo o charme ahaha. A dificuldade que é encontrar uma roupa que nos achamos realmente lindas e magras – isso vai acontecendo ao mesmo tempo que a barriga vai tomando forma ahahah, mesmo que você ache a barriga linda -. A falta de paciência. A falta de coordenação. A falta de equilíbrio – físico e emocional ahahahaah -.

Mas tudo vale a pena quando a barriga mexe! Tudo!. Quando o marido conversa com ela. Quando pensamos nas roupinhas. Montamos o quartinho. Quando nossos pais já começam a se mostrar ótimos avós. Quando nossas irmãs já começam a amar a nossa barriga como se fossem delas. Quando pessoas falam que estamos mais bonitas e radiantes. Sim, grávidas. Quando escutamos música e vemos que tem mais alguém curtindo e dançando. Quando você vai abraçar alguém e percebe que a barriga o abraçou antes. Quando percebemos que temos esses nove meses para voltarmos a ser crianças sonhadoras. Que conversam com a barriga, que brincam de montar um quartinho dos sonhos, que brincam de roupinha… Até que a verdadeira criança chegue e nos mostre o real sentido e significado da vida.

Vejam como a lista de coisas mágicas é menor que as chatas, porém vejam também o peso entre as duas. Tudo vale a pena. Tenho certeza absoluta que vou sentir saudade disso tudo, se eu souber que vocês não me abandonarão eu até digo que farei outro logo em seguida hehe.

Sempre quis ter filho, sempre quis ter mais de 1 filho, sempre achei que irmão é o melhor presente que alguém pode ter/ganhar. Demorei para “criar coragem” pois colocava milhões de empecilhos bobos, tal qual: “Mas estou tão bem profissionalmente”. “Ainda quero viajar tanto com meu marido e amigos”. “Acho que ainda não estou preparada para mudar a minha vida desse tanto”. “A gravidez vai me desacelerar e o meu mundo profissional não me permite isso”. “Ainda preciso fazer mais dinheiro para poder colocar outra pessoa no mundo”. Juro que todas essas frases já foram usadas por mim e tenho certeza que por muitas de vocês. Não julgo ninguém que não queira ter filho, cada um sabe o que fazer com sua vida, o que esperar dela, como conduzí-la. Mas eu juro que fiquei surpresa, em todos os sentidos, quando anunciei a minha gravidez. Se eu soubesse que seria dessa forma eu teria engravidado antes rs. Ou talvez não, pois hoje sou muito mais madura, muito mais. Não penso muito em como as coisas seriam se tivesse feito diferente, pois não mudamos o passado, mas gosto de pensar um pouco para analisar como nem tudo é tão complicado como imaginamos.

Eu precisei passar por algumas coisas, alguns altos e baixos, para chegar onde cheguei. Para meu casamento chegar onde chegou. Para minha vida chegar onde chegou. Acredito na hora certa para tudo, mas não sabemos quando ela será. Eu não queria engravidar em abril, quando aconteceu, mas também não estava usando nenhum método para isso não acontecer. Acho que dei uma mãozinha para meu destino, mesmo sem saber - eu não estava usando nada, há muito tempo, estava doida e quis fazer um detox de hormônios, mesmo sem querer engravidar -.

Hoje quando estou parada e sentindo o Bê se mexendo eu penso: Já já serão choros e gritos, será que estou preparada para essa parte? Mas logo essa ansiedade passa. Acredito que ninguém esteja preparado, mas a minha vontade de acertar é grande, e isso já me basta.

Me pediram para falar sobre o parto escolhido, mas eu vejo de outra forma, ele tem que me escolher. Não vejo a gravidez como uma ciência exata, não acho que para ter parto normal basta querer e ele milagrosamente acontecerá. Já imagino a quantidade de comentários vou receber por essa simples e coerente frase. As pessoas julgam demais, infelizmente. Caracterizam alguém como boa mãe se ela for uma boa parideira… Desculpem, mas conheço várias histórias de ótimas parideiras, mas péssimas mães. Eu falei para meu médico que não quero marcar uma data de cesária, que eu quero deixar a gravidez evoluir naturalmente e tentar um parto normal. Caso não consiga, parto para a cesária sem peso algum na consciência. Isso não me definirá como mãe, como acho isso uma besteira sem fim. Normal ou cesária não diz nada sobre uma mãe. Nem se ela amamentou ou não. O que a define é a quantidade de amor que ela passa para o filho. São os princípios e caráter que ela seguirá em sua educação. É a qualidade de tempo que ela usa para torná-lo uma pessoa boa.

Ai ai, quanta polêmica né? Maternidade é isso aí, muito amor e, contraditoriamente, muito julgamento, infelizmente.

Até semana que vem amores,

Beijos com carinho,

Nati Vozza e Bê <3

Compartilhe

LOOK GRÁVIDA VESTIDO DRAPEADO

Oct 01 2014
Postado por em Glam4You

Aí vai mais um look com roupa para gestante, e descobri recentemente que nada melhor do que investir em peças que tenham o trabalho do drapeado, como é o caso desse vestido lindo e mega confortável.

O drapeado é roupa para gestante que tem um efeito incrivel, pois ele ajuda a modelar as curvas sem marcar, sabem? Portando ele não nos deixa sem cintura ou quadril, mas também não tem o poder de marcar aquela gordurinha indesejada. Sem contar que o drapeado é perfeito para se adaptar ao crescimento da barriga. Vou continuar usando esse vestido mesmo depois de grávida, pois esse tecido de jersey é tão confortável e gostoso de usar que estou realmente apegada.

Ps: amei os comentário no post passado, a barriga realmente deu uma aparecida né? Estou amando heheh

nati vozza look gravida vestido 2LOOK GRÁVIDA VESTIDO DRAPEADO  nati vozza look gravida vestido 1LOOK GRÁVIDA VESTIDO DRAPEADO  nati vozza look gravida vestido 6LOOK GRÁVIDA VESTIDO DRAPEADO  nati vozza look gravida vestido 4LOOK GRÁVIDA VESTIDO DRAPEADO  nati vozza look gravida vestido 8LOOK GRÁVIDA VESTIDO DRAPEADO  nati vozza look gravida vestido 3LOOK GRÁVIDA VESTIDO DRAPEADO  nati vozza look gravida vestido 7LOOK GRÁVIDA VESTIDO DRAPEADO  nati vozza look gravida vestido 5LOOK GRÁVIDA VESTIDO DRAPEADO

Ph: Mariana Pimentel

{Nati Vozza Veste Vestido Mood Gestante | Sandália Luiza Barcelos | Bolsa Dior | Joias La Chica de Oro}

 

Compartilhe

LOOK VESTIDO TRICOT

Sep 30 2014
Postado por em Glam4You

Tchanan, vocês vão se assustar com o tamanho do barrigão!!! Além dela realmente ter crescido muito nos últimos dias, esse vestido dá uma sobressaída grande nela. Amei. Finalmente estou grávida ahahah!

Agora fala sério, o que é esse vestido tricot? Lindo, veste muito bem grávidas e não grávidas, as cores são maravilhosas juntas, estou realmente apaixonada. Já usei no final de semana até, mas aí foi com uma flat para almoçar. Por isso amo os vestidos de tricot, são muito curingas.

Espero que gostem desse look tanto quanto eu, e gostem desse barrigão também =).

nati vozza vestido gravidaLOOK VESTIDO TRICOT nati vozza vestido gravida 3LOOK VESTIDO TRICOT nati vozza vestido gravida 2LOOK VESTIDO TRICOT nati vozza vestido gravida 5LOOK VESTIDO TRICOT nati vozza vestido gravida 4LOOK VESTIDO TRICOT nati vozza vestido gravida 7LOOK VESTIDO TRICOT nati vozza vestido gravida 8LOOK VESTIDO TRICOT nati vozza vestido gravida 9LOOK VESTIDO TRICOT nati vozza vestido gravida 10LOOK VESTIDO TRICOT

Ph: Mariana Pimentel

{Nati Vozza Veste Vestido Galeria Tricot | Sapato Charlotte Olympia | Bolsa Chanel | Brincos e Anel La Chica de Oro}

Compartilhe